Substituição da Carta de Condução por Alteração dos Elementos

Substituição da Carta de Condução por Alteração dos Elementos 

Título
Sempre que haja alterações de elementos que constem da carta de condução, como por exemplo o nome, mudança de residência, restrições, habilitação a nova categoria de veículo, deve proceder à substituição do seu título de condução.O pedido de substituição também pode ser efetuado quando a carta de condução estiver em mau estado de conservação.No caso de existir mais do que uma alteração, não se esqueça de assinalar todas elas.

Documentos

Para substituir a carta de condução, são necessários os seguintes documentos:

  • Exibição do original da carta de condução;
  • Exibição do original do documento de identificação ou fotocópia simples;*ver procedimentos
  • Apresentação do Número de Identificação Fiscal;
  • Uma fotografia actual (tipo passe), a cores e de fundo liso;*ver procedimentos
  • Formulário Modelo 1 IMT;*ver procedimentos
  • Atestado médico, emitido por qualquer médico no exercício da sua profissão, no caso de alteração motivada por restrição médica (por exemplo, uso de óculos ou condução com limite de velocidade), para:

a) condutores de veículos das categorias A, B, BE, A1 e B1;

b) condutores de veículos das categorias C, CE, D, DE, C1, C1E, D1 e D1E, bem como das categorias B e BE que exerçam a condução de ambulâncias, veículos de bombeiros, automóveis de passageiros de aluguer e de transporte escolar (neste caso o atestado médico deve mencionar “Grupo 2”).

Consulte a tabela de códigos de restrições e adaptações

"Grupo 2”

Os condutores habilitados com a categoria B que pretendam conduzir ambulâncias, veículos de bombeiros, automóveis de passageiros de aluguer e de transporte escolar, podem requerer o averbamento do “Grupo 2”. Para o efeito terão de solicitar a substituição da carta de condução, apresentando nos serviços do IMT da área da residência os documentos acima indicados, bem como o certificado de avaliação psicológica favorável, emitido por qualquer psicólogo no exercício da sua profissão. Taxas:
  • Alteração da residência € 15;
  • Restantes situações € 30

Procedimentos

O IMT disponibiliza nesta página o formulário e modelos de documentos necessários para o pedido de substituição da carta de condução por alteração dos elementos/averbamentos, sendo necessário:
 

  • Preencher manualmente depois de impresso, e assinar, o formulário Modelo 1 IMT. Ao preencher o formulário, utilize sempre uma esferográfica preta sobre superfície dura. (Consultar Instruções de Preenchimento);
  • Nos balcões de atendimento do IMT e nas Lojas do Cidadão onde o IMT está presente (Braga, Coimbra, Lisboa - Laranjeiras, Setúbal, Viseu e Porto), o modelo 1 IMT não é necessário quando a entrega dos documentos é efetuada pelo próprio, sendo obrigatório quando a entrega dos documentos é efetuada por terceiros;
  • Quando a entrega dos documentos é efetuada nos Postos de Atendimento ao Cidadão (PAC/BMS) o modelo 1 IMT e a fotografia são sempre obrigatórios;
  • Quando a entrega dos documentos é efetuada nos novos Espaços do Cidadão - Lojas CTT e AMA, o modelo 1 IMT e a foto não são necessários, uma vez que a fotografia é tirada no local, sendo que as pretensões só podem ser efetuadas pelo próprio com a restante documentação.No caso de alteração de nome e/ou de morada, os pedidos só podem ser feitos por portadores de bilhete de identidade ou cartão de cidadão, e não podem ser prestados neste Espaços a cidadãos portadores de documentos emitidos pelo SEF;
  • O Atestado Médico, emitido por qualquer médico no exercício da profissão é exibido no balcão de atendimento pelo requerente, que ficará obrigatoriamente na posse do mesmo durante 2 anos;
  • O Relatório de Avaliação Física e Mental é preenchido quando se requere o atestado, pelo requerente e pelo médico, que ficará na posse do Relatório que não é exibido nem entregue no balcão de atendimento;
  • O Certificado de Avaliação Psicológica favorável, emitido por qualquer psicólogo no exercício da sua profissão é exibido no balcão de atendimento pelo requerente, que ficará obrigatoriamente na posse do mesmo durante 2 anos;
  • Apresentar o pedido com os documentos nos Balcões de Atendimento do serviço regional e distrital do IMT, Lojas do Cidadão, Postos de Atendimento ao Cidadão (PAC/BMS) e Espaços do Cidadão - Lojas CTT e AMA mais perto de si, nas diversas regiões do país (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve); 
  • O condutor receberá a nova carta em casa, por correio registado em mão;
  • Caso esta carta se destine a substituir uma outra, cujo prazo de validade ainda não tenha terminado, alerta-se que a carta anterior se encontra revogada, pelo que se recomenda que proceda à respetiva destruição.

Os impressos estão também disponíveis no site do IMT em Formulários – Condutores e Veículos.  

 

Enquadramento legal

Alteração de residência: n.º 2 do artigo 15.º do Regulamento da Habilitação Legal para Conduzir (Decreto-Lei n.º 138/2012)

Decreto Lei n.º 37/2014, de 14 de março, que altera o Decreto-Lei n.º 138/2012, de 5 de julho, que introduz diversas alterações ao Código da Estrada e aprova o novo Regulamento da Habilitação Legal para Conduzir, transpondo parcialmente para a ordem jurídica interna a Diretiva n.º 2006/126/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 20 de dezembro, relativa à carta de condução.

Despacho Conjunto do Presidente do Instituto da Mobilidade e dos Transportes, I.P. e do Diretor-Geral da Saúde, de 2 de novembro de 2012 - Aprova os modelos e conteúdos do Relatório de Avaliação Física e Mental, Atestado Médico, Relatório da Avaliação Psicológica e Certificado de Avaliação Psicológica

 
Termos de Utilização - Copyright © 2008 - 2014 www.imtt.pt - Todos os direitos reservados | Site optimizado para 1024x768, IE7+, FF2+ | Desenvolvido por CPCis
Os conteúdos deste site, publicados a partir de 1 de Janeiro de 2012, cumprem as regras do Acordo Ortográfico.
Símbolo de Acessibilidade à Web [D] Level Double-A conformance icon,W3C-WAI Web Content Accessibility Guidelines 1.0